FeNaVerdade.com

Recentemente li um texto, onde a autora afirma que é feliz e que essa felicidade depende apenas dela mesma, o que me fez refletir a respeito disso a luz da Bíblia. Compartilho abaixo essa breve reflexão: Decidir ser feliz é importante e essa característica obviamente afeta todas as nossas relações, mas isso não pode estar pautado apenas em nós mesmos. Na vida do cristão as circunstâncias somente, não devem ser  Continue lendo...

Vídeo retirado do Vlog “Dois dedos de teologia” apresentado por Yago Martins e Felipe Cruz:

 

Não podemos de forma alguma abrir mão das verdades bíblicas, mas fazer isso de forma arrogante não é cristão e/ou fazer isso sem amor é sem propósito. Segue abaixo alguns versículos bíblicos com instruções de como a defesa da fé deve ser realizada e com que propósito:

“Preserva o modelo das sãs palavras que de mim ouviste na fé e no amor que estão em Cristo Jesus; guarda o bom tesouro com o auxílio do Espírito Santo, que habita em nós.”
2 Timóteo 1:13-14

“E rejeita as questões tolas e inúteis, sabendo que geram discussões.
Ao servo do Senhor não convém discutir, mas, pelo contrário, deve ser amável para com todos, apto para ensinar, paciente,
corrigindo com mansidão os que resistem, na esperança de que Deus lhes conceda o arrependimento para conhecerem plenamente a verdade.”
2 Timóteo 2:23:25

“Antes, santifiquem Cristo como Senhor no coração. Estejam sempre preparados para responder a qualquer que lhes pedir a razão da esperança que há em vocês.”
1 Pedro 3:15

Muitos dos maiores escândalos corporativos dos últimos anos seguiram um padrão: o comportamento ético dos envolvidos erodiu com o passar do tempo. Certa vez Bernie Madoff, que foi presidente de uma das mais importantes sociedades de investimento de Wall Street e, em 2008, detido pelo FBI e acusado de fraude, comentou com sua secretária: “Bem, o que acontece é que começa com você tomando uma pequena parte, algumas centenas, alguns  Continue lendo...

Qual o objetivo da vida cristã? Piedade nascida da obediência a Cristo. A obediência destrava as riquezas da experiência cristã. A oração é o que leva e nutre obediência, colocando o coração num apropriado “estado de espírito” para desejar obediência. Com certeza conhecimento também é importante, pois sem ele não podemos saber o que Deus requer. Apesar disso, conhecimento e verdade permanecerão abstratos a menos que tenhamos comunhão com Deus  Continue lendo...